Publicado por Redação em Saúde Empresarial - 29/03/2011 às 17:54:54

É possível comer chocolate na Páscoa sem culpa

"Opte pelo amargo, com a maior concentração de cacau possível e ingira com moderação, uma porção de chocolate (30g) a cada três dias (até 6.7g por dia) e 14 g para crianças de até três anos de idade. Acima dessa dose, os efeitos são mais discretos”

O cacau possui substâncias antioxidantes e melhora o funcionamento do cérebro. A dica é observar a quantidade desse fruto no produto

Páscoa é sinônimo de tentação para muitos. O excesso de chocolate nesta época do ano é a grande preocupação para quem está de dieta ou pretende manter peso. Segundo o médico e nutrólogo Dr. Mohamad Barakat, o doce é totalmente permitido se algumas orientações forem seguidas. “O cacau é rico em fitoquímicos fenólicos (polifenois), especialmente de flavonoides, potentes antioxidantes que protegem o organismo contra os radicais livres (moléculas reativas, produzidas pela oxidação biológica, que danificam os tecidos humanos). Ainda possui cafeína, tiramina e teobromina, estimulantes que melhoram o funcionamento do cérebro, aprimorando o raciocínio”.

Para quem não quer abrir mão do chocolate, o especialista recomenda o consumo da versão com 70% de cacau por apresentar o dobro da capacidade antioxidante do chocolate tradicional, não conter leite e possuir uma menor quantidade de açúcar. “Além do mais, reduz a oxidação do LDL, colesterol ruim, evitando que se deposite na parede dos vasos sanguíneos”.

O “pior” chocolate é o branco, por nem usar a massa de cacau e ter em sua composição a manteiga de cacau, açúcar e leite. Ou seja, não tem antioxidantes e é mais calórico.

“Nesta época do ano, o chocolate é uma forma de aproximação. Só o valor emocional da troca, já contribui para o bem-estar da pessoa. Aproveite com consciência. Opte pelo amargo, com a maior concentração de cacau possível e ingira com moderação, uma porção de chocolate (30g) a cada três dias (até 6.7g por dia) e 14 g para crianças de até três anos de idade. Acima dessa dose, os efeitos são mais discretos”, finaliza Barakat.

Fonte: www2.uol.com.br | 29.03.11


Alper Consultoria em Seguros

Posts relacionados

Saúde Empresarial, por Redação

Maioria da população mundial consome sódio em excesso

Três em cada quatro adultos no mundo consomem cerca do dobro da quantidade diária de sódio recomendada pelos órgãos de saúde. Essa é a conclusão de um estudo apresentado nesta quinta-feira no encontro anual da Associação Americana do Coração, em Nova Orleans, Estados Unidos.

Saúde Empresarial, por Redação

Governo brasileiro inaugura fábrica de medicamentos na África

O governo brasileiro vai inaugurar neste sábado uma fábrica de medicamentos para tratamento de aids em Moçambique, na África, por meio de um acordo de cooperação entre os dois países assinado em 2003 pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Deixe seu Comentário:

=