Publicado por Redação em Saúde Empresarial | 17/07/2015 às 11:27:52

Síndrome Guillain-Barré causada por virose paralisa membros

Síndrome pode ser provocada pelo Zika Virus, transmitido pelo vírus da dengue

Guillain-Barré pode se manifestar até quatro semanas depois da virose curada

Estados como a Bahia e São Paulo tem divulgado o aumento do número de casos da síndrome de Guillain-Barré em decorrência dos surtos de zika vírus registrados naquelas regiões. O hematologista Wellington Galvão explica que aqui no estado foram registrados 5 casos nos últimos dias e que não há motivo para alarde.

“Qualquer virose pode provocar a síndrome, mas coincidentemente o número de casos tem aumentado com o aparecimento do zika vírus. Eu sou o médico que trata dos pacientes com Guillain-Barré aqui no estado e tratei de cinco pacientes nos últimos vinte dias, porém, apenas um dele teve suspeita de zika vírus”, explica o médico.

Segundo Galvão, os outros estados têm contabilizado os casos da síndrome por conta da epidemia registrada pelas secretarias de saúde locais, o que não acontece aqui em Alagoas.

“A grande questão da síndrome de Guillain-Barré é que ela só aparece após quatro semanas depois da cura da virose. Se tivermos mais registros aqui no estado, isso acontecerá nas próximas semanas”.

Wellington Galvão explicou que atende os casos da síndrome pelo SUS na Santa Casa de Misericórdia de Maceió e que já fez um convênio com o Estado para que todos os casos da doença possam ser atendidos pelo médico, que é referência em Alagoas no tratamento.

“As pessoas que estão com a síndrome estão fazendo o tratamento Plasmaférese Terapêutica, que hoje é o melhor tratamento de neurologia do mundo. Dos cinco pacientes, dois já tiveram alta. Entre os três que ainda estou tratamento, dois estão na ventilação mecânica e a criança de oito anos deve receber alta ainda essa semana”.

De acordo com Galvão, a criança chegou à Santa Casa totalmente paralisada e respirando com ajuda de aparelhos.

“Hoje ela já está voltando a andar normalmente. Com esse tratamento é muito difícil que a síndrome deixe sequelas, porém, outras formas de tratar a doença podem deixar sequelas ou até levar à morte. É muito importante que tenhamos o tratamento Plasmaférese Terapêutica para cuidar desses pacientes”.

A DOENÇA

A síndrome é uma doença autoimune que ocorre quando o sistema imunológico do corpo ataca parte do próprio sistema nervoso por engano. Isso leva á inflamação dos nervos, que provoca fraqueza muscular.

O médico explica que os sintomas da Guillain-Barré são a perda da força muscular, paralisia dos membros podendo chegar à parada respiratória.

“A pessoa deve procurar imediatamente um hospital. Quando o médico plantonista identifica a síndrome, o paciente é mandado imediatamente para os meus cuidados na Santa Casa”.

Fonte: Tribuna Hoje


Massificados

Tags: sem tags no momento!


Deixe seu Comentário:

=